Voltar

Notícias e Eventos

Últimas entradas sobre a nossa atividade

01 julho 2020

Deixar de fumar: é possível e sem sofrimento

O tabagismo é uma importante causa de morbilidade e mortalidade no mundo e em Portugal é o fator de risco que mais contribui para a morte.

Estima-se que um fumador perca, em média, 10 anos de vida em relação ao que viveria se não fumasse.

Qual a constituição do fumo do tabaco?
O fumo do tabaco é constituído por milhares de químicos, prejudiciais à saúde, que podem provocar dependência (nicotina), ter efeitos irritantes e cancerígenos (alcatrão), impedir a oxigenação do sangue e tornar o sangue mais viscoso, causando obstrução das artérias (monóxido de carbono) ou destruir as defesas das vias aéreas e causar sintomas respiratórios (substâncias irritantes). Estes compostos provocam lesões nas vias aéreas, mas o seu efeito estendesse para além pulmão.

Quais são os principais problemas de saúde provocados pelo fumo do tabaco?
Assim, os fumadores estão em risco de desenvolver doenças respiratórias (cancro de pulmão, bronquite, DPOC, maior propensão a infeções respiratórias, entre outras), mas também doenças em outros órgãos humanos: cancros da boca, garganta, esófago, pâncreas, bexiga; doença cardiovascular; acidente vascular cerebral (AVC); doença arterial periférica; problemas digestivos; infertilidade; complicações na gravidez; impotência sexual, etc. Importa salientar que estas consequências ocorrem também nos fumadores passivos (pessoas que aspiram involuntariamente o fumo libertado pelos cigarros dos fumadores ativos). Causa também o envelhecimento precoce da pele e cabelo, afeta o cheiro e o paladar, provoca um cansaço mais rápido.

Todos sabemos que deixar de fumar melhora efetivamente a qualidade de vida e reduz o risco de morte.

Quais as principais vantagens em deixar de fumar?
A cessação tabágica acompanha se de diminuição do risco de doenças respiratórias e cardiovasculares, de cancro, de complicações na gravidez, acarreta mais energia e vitalidade, melhora o olfato e paladar, o cabelo e a pele ficam mais bonitos e, para além disso, ainda poupa dinheiro. Alguns benefícios na saúde podem não ser palpáveis, mas outros sim, e podem notar-se com grande rapidez.

Sendo o tabagismo uma dependência associada a fatores psicológicos, sociais e biológicos, deixar de fumar é, para quase todos os fumadores, um processo penoso e difícil de iniciar e de dar continuidade. A pessoa que está a tentar deixar de fumar sente tristeza, ansiedade, irritabilidade, dorme mal, anda menos concentrada, tem fome, aumenta de peso e tem uma vontade intensa de fumar.

Sabia que com apoio médico especializado, é possível deixar de fumar sem sofrer ansiedade, sem sintomas de abstinência e sem sofrimento?
Se não consegue deixar de fumar sozinho, procure ajuda numa Consulta de Cessação Tabágica. O Trofa Saúde Hospital Central, em Vila do Conde, tem ao seu dispor uma equipa de profissionais constituída por médicos, psicólogos e nutricionistas, que fazem uma abordagem personalizada da situação de cada fumador, de forma a trabalhar a motivação, tratar a dependência e evitar os sintomas associados à cessação tabágica.

Se está a tentar deixar de fumar não hesite e marque uma consulta de Cessação Tabágica.

Redigido por Dr.ª Maria Augusta Machado (OM36242), Pneumologista no Trofa Saúde Hospital Central, Braga Sul, Famalicão e Trofa

Voltar

03 agosto 2020

Cancro da pele: alargamento de margens e cirurgia reconst...

25 julho 2020

Tratamento para veias dilatadas: esclerose com espuma eco...

17 julho 2020

Hemorróidas: o que são e como se tratam